A organização dos empregados para cobrar a CAIXA por medidas de proteção à saúde durante a pandemia garantiu a ampliação dos canais de atendimento médico no Saúde Caixa. Os trabalhadores contam, agora, com dois novos serviços para se consultar: por telefone e por chamada de vídeo pelo celular.

O objetivo é reduzir os riscos de contaminação para os beneficiários que precisam se consultar, permitindo que façam isso sem precisar se dirigir a um pronto socorro ou pronto atendimento. Isso previne também o alastramento da pandemia, já que os empregados atuam na linha de frente para o pagamento do auxílio emergencial.

“Desde o início da pandemia, nos reunimos com a CAIXA para exigir ações efetivas de proteção à saúde dos empregados. Conseguimos avançar em muitos pontos e um deles é o atendimento médico à distância. Agora, queremos também o Saúde Caixa para todos, para garantir o acesso a esses serviços pelos novos empregados”, afirmou a presidenta do Sindicato, Eliana Brasil.

Teleorientação

O sistema de teleorientação – de atendimento por telefone – é feito pelo número 0800 799 9922. O serviço funciona 24h por dia, sete dias por semana. Em Minas Gerais, o atendimento por telefone teve início no dia 4 de maio.

Em caso de dúvidas, os trabalhadores podem entrar acessar o site: www.centralsaudecaixa.com.br/teleorientacao

Atendimento por vídeo

Em parceria com o Lívia Saúde, o Saúde Caixa também passou a oferecer aos empregados o atendimento por videochamada. O acesso é pelo site www.liviasaude.com.br e é preferencial o uso do celular.

Para ser atendidos, os empregados devem entrar no serviço “Consulte um médico online”, selecionar Saúde Caixa e preencher seus dados pessoais. Com isso, já entrarão na fila de atendimento e receberão um SMS pouco antes do atendimento.

O serviço funciona das 8h às 22h, sete dias por semana.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região

 

Compartilhe: